Homossexualidade e Ideologia

Venho refletindo sobre alguns pontos. Hoje em dia vemos os partidos ditos de esquerda e alguns grupos comunistas apoiando os direitos da comunidade LGBT como se essa luta lhes dissesse respeito desde sempre. A postura de “defensores das minorias” por eles tomada faz com que se crie quase uma obrigação de se colocar nesse papel. É sabido, porém, que os regimes comunistas nunca apoiaram a homossexualidade, perseguindo-a e penalizando-a até muito recentemente. Um exemplo disso pode ser encontrado na atualidade, em Cuba. Quem acompanha as notícias sabe que a filha de Raul Castro, a sexóloga e feminista Mariela, é conhecida como a rebelde da família por lutar pelos direitos da mulher e dos homossexuais na ilha, e tem se deparado com várias barreiras e críticas, apesar de grandes avanços como a aprovação da lei que permite aos transgêneros a mudança de sexo.

Se alguns grupos comunistas da atualidade vêem o patriarcalismo machista como uma forma do capitalismo se manter ativo, muitos dos do século XX discordavam completamente dessa visão. Essa mudança de atitude faz parte de toda uma auto-crítica e revisão interna de valores de uma ideologia, mas deve ser recebida com cautela pela comunidade LGBT, por que ser gay está se tornando sinônimo de ser voto. Antes de nos associarmos, como homossexuais, a qualquer tipo de movimento ou luta que não visem apenas a legalização dos nossos direitos, devemos estudar e entender suas origens, saber discernir porque suas mudanças ocorreram e para onde elas apontam. E, mesmo no caso de concordarmos completamente com suas premissas, reconhecer que, independente da nossa posição e preferência política, que nos devem dizer respeito apenas como indivíduos, a reivindicação pelos direitos LGBT é um assunto completamente à parte de idéias a respeito de economia, política e mesmo sociedade.

Em suma, devemos lembrar que ser homossexual, essencialmente, não é apoiar uma perspectiva política. É apenas sentir-se atraído por pessoas do mesmo sexo. Eu quero que todos os homossexuais, sejam eles comunistas, neoliberais ou o raio que o parta, vivam com conforto e sem medo de uma sociedade repressora e preconceituosa. Essa é a minha luta.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: