Igreja à beira de um ataque de nervos

almodovar

Ao ser entrevistado pelo semanário alemão Die Zeit o cineasta espanhol Pedro Almodóvar, que divulgava o seu novo filme, “Los Abrazos Rotos” fez repercutir mais uma vez a sua opinião, ao declarar que a diversidade na composição familiar é ignorada pela igreja católica.

Não é a primeira crítica de Almodóvar à igreja. O cineasta, que é assumidamente homossexual, solicitou ao papa Bento XVI que saia do Vaticano e repare as inúmeras possibilidades e formações familiares que o cercam. Ainda em alusão ao tema afirma que existem famílias constituidas por transexuais, travestis, pais separados e inclusive freiras com AIDS. Em certa ocasião em uma entrevista ao jornal espanhol El País Almodóvar declarou:

Sou anticlerical, mas como indivíduo não tenho nenhuma necessidade de lutar contra a Igreja, porque para mim não é um fantasma do qual tenha que me defender. Acho que a Igreja espanhola atreve-se a dizer umas coisas na nossa sociedade que devemos rebater porque são muito perigosas, como por exemplo que a emancipação da mulher está relacionada com as mortes e com os maus tratos. É uma das coisas mais fortes que jamais ouvi contra a condição feminina.

giuseppe

O Vaticano respondeu através de Giuseppe Dalla Torre, presidente do Tribunal do Vaticano, que afirmou que o papa não precisa sair do Vaticano para tomar consciência dos fenômenos sociais e que a Igreja Católica está presente em todos os contextos humanos e certamente conhece melhor como funciona o mundo. Justificou os casos como marginais em relação ao total do planeta. A resposta termina com a seguinte colocação: “certa cinematografia quer ser um reflexo da sociedade ou, pelo contrário, quer incidir sobre a realidade social para modificar os seus valores éticos e cultura?”.

As colocações de Dalla Torre, assim como o posicionamento da igreja católica no seu geral, são mais uma vez infelizes e inconsistentes. Acho que o questionamento mais apropriado nesse caso seria: por que essa certa cinematografia não pode questionar os valores éticos e culturais impostos pela igreja católica? A qual, inclusive, contribuiu e muito, se não foi uma das maiores responsáveis, na marginalização dos casos citados por Pedro Almodóvar, fazendo com que quando não sejam taxados e repudiados pela normatividade construída sejam simplesmente ignorados e deixados realmente nas bordas da sociedade, longe do foco e da necessidade de discussão. Dando assim apenas duas opções para todos: que se forcem a negar a sua realidade e permaneçam dentro do templo ou que se afastem de vez da religião que insiste em apontar e dizer: a culpa é de vocês.

3 respostas para Igreja à beira de um ataque de nervos

  1. Tales disse:

    Concordo com Almodóvar que a “Igreja”, digo Papa, necessita sair dos muros da Basílica de S.Pedro para conhecer as novas realidades do mundo que querendo ou não foram produzidas, também, por essa mesma Igreja que as condenas.

    Já vi muito, a “Igreja Católica” que se diz defensora da família, destruir um lar “normal” e também servir de apoio, desculpa, pretexto e alíbi para traições no casamento.

    Por isso, eu criado no catolicismo cheguei ao ponto que é melhor crer mas não professar nenhuma religião.

  2. luan oliveira disse:

    Reproduzirei aqui o comentário que fiz na comunidade homofobia já era sobre o mesmo tópico.

    n sou de desejar a morte a ninguém,mas espero que esse papa vá para a tumba logo!faria um bem a humanidade.e como lembraram aí em cima,esse homem representa o que tem de mais reacionário e conservador na igreja católica,tanto que ele foi quem dirigiu antes de ser papa o tribunal do santo ofício,ou seja,o tribunal da inquisição,que foi reavivado pelo joão paulo 2 quando ele se deu conta que o mundo não queria mais o modelo de sociedade machista,homofóbico e excludente que a igreja católica ainda defende em seu discurso,e a tendência é piorar,não me admiraria se a igreja católica daqui a uns 20 ou 40 anos chegar no nível das piores religiões fundamentalistas do mundo,pois com a decadência do seu poder,a resposta que a igreja vem dando ao mundo é essa,de mais e mais fundamentalismo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: