Cultura nerd colorida

Há muito vem se conversando aqui sobre os guetos e as diversidades dentro da concepção formada e divulgada de “mundo gay”. Por isso resolvi divulgar uma iniciativa que além de válida comprova que os interesses não devem, nem podem, ser generalizados, fato esse que causaria a mutilação da própria comunidade que prega a diversidade.

Falo aqui do Gaylactic Network que foi criado em 1986 na cidade de Boston, nos EUA, visando a divulgação e a discussão em torno das representações LGBT (ou até mesmo a falta delas) nas diferentes mídias, mas o diferencial é que dedicam-se à genêros tipicamente “nerds” como a ficção cientifica, mundos fantásticos e horror.

Hoje a Gaylactic Network já conta com 12 grupos afiliados, dentro dos Estados Unidos (exemplo do Lambda Sci-Fi (DC Area Gaylaxians) em Washington, DC) e também no Canadá (o Gaylactic Toronto Alliance, Toronto, Ontário).

Gaylactic_logo

O intuito de conectar os interessados que partilham interesses parecidos vem funcionando, desde grupos de discussão na internet até a organização de eventos, como o Gaylaxicon.

O Gaylaxicon

gaylaxicon

É um evento anual, realizado desde 1988, e sediado em diferentes cidades do país – já abrigaram o encontro cidades como Philadelphia (1992), San Diego (2004) e Atlanta (2007). Os participantes e organizadores encaram o evento como uma maneira de incentivar, divulgar e discutir assuntos que normalmente não teriam espaço nos convencionais, tradicionais e famosos encontros sobre o tema. Buscam então abordar tanto as publicações e produções independentes que abordam assuntos do interesse da comunidade LGBT, como debates mais especificos, como por exemplo, sobre o que é produzido no mainstream dos quadrinhos, repercussão de seriados com personagens lésbicas (de Xena a L World) e a inclusão de personagens gays nos jogos de video game.

Mesa de discussões do Gaylaxicon 2008 (Bethesda, Maryland)

Mesa de discussões do Gaylaxicon 2008 (Bethesda, Maryland)

Na edição de 2009, que será realizada dos dias 9 a 11 de outubro na cidade de Minneapolis, Minnesota, vemos uma programação plural, que contempla um variado número de interessados, seja na cultura geek, na queer, ou mesmo simples curiosos:

Do Gay Writers Do It Better? : Escritores heterossexuais conseguem abordar assuntos LGBT com sucesso ou necessariamente é preciso ser gay para tratar do assunto?

Lesfic Fantasy – Beyond the Blonde and the Brunette: Após o sucesso do casal Xena e Grabrielle, uma discussão a respeito dos novos rumos das histórias que tangem temas homoeróticos.

Putting the GAY in Games: Uma revisão das aparições de personagens gays nos jogos de video game.

Wonder Woman Appreciation Panel: O que faz a Mulher Maravilha ser um ícone, tanto dos homens quanto mulheres (gays)?

As mesas se dividem nos mais peculiares assuntos e recortes, podendo ser acessado na integra no site do Gaylaxicon. O número de frequentadores vem crescendo desde seu ano inaugural e já são esperadas pessoas de todo o país para a edição deste ano.

Caso os assuntos lhe despertem interesse vale ressaltar que por mais que nos encontremos geograficamente impossibilitados de comparecer, é só mandar um e-mail, ou se comunicar com eles através de algum dos vários meios que eles disponibilizam e ficar sabendo o que foi discutido. Afinal, tecnologia é com eles mesmo.

3 respostas para Cultura nerd colorida

  1. Peço licensa para divulgar uma iniciativa semelhante que temos aqui no Brasil.

    Trata-se do Fórum Queer Nerds – http://forum.qnerds.org/

    Quem quiser conhecer, sinta-se convidado a visitar o fórum e trocar ideias com os participantes.

    O Twitter do grupo é o @qnerds

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: